Nos dias 26, 27 e 28 de novembro os capoeiristas do Projeto Juventude e Cidadania participaram de evento composto por um curso de capoterapia e graduação dos capoeiristas.

O Projeto Juventude e Cidadania tem como um dos objetivos desenvolver nas crianças, adolescentes e jovens estímulos para a valorização do saber social, base para o desenvolvimento e valorização das práticas e aptidões, valores e sentimentos, de modo a contribuir para a formação de cidadãos confiantes em si mesmos e comprometidos com a sociedade em que vivem.

O Projeto atende com aulas de capoeira a 70 crianças e adolescentes, sendo 30 do Bairro Piçarra e 40 do Bairro Mutirão, tendo como instrutor o professor Décio, que já está no projeto deste 2007.

Foto: Paulo Clímaco

SDC12130

Capoeirista do Grupo Cordão de Ouro com os alunos do Projeto Juventude e Cidadania

Saiba como surgiu a capoeira e entenda um pouco mais dessa cultura

A capoeira surgiu entre os escravos como um grito de liberdade. Os negros da África, a maioria da região de Angola, foram trazidos para o Brasil para trabalhar nas lavouras de cana de açúcar como mão de obra escrava.

A capoeira se espalhou pelo Brasil, porém foi nos estados da Bahia, Rio de Janeiro e Pernambuco onde se encontravam os maiores comentários entre o povo e a imprensa local. Apesar de reprimida a capoeira continuou a ser praticada e ensinada para as gerações seguintes. Em 1929 ocorreu a quebra da Bolsa de Nova Iorque e a consequente crise do capitalismo. O Brasil viveu um momento de ebulição das forças sociais.

Nas próximas semanas publicaremos uma série de matérias falando um pouco dessa cultura.

Veja mais fotos do evento:

SDC12146

SDC12160

SDC12175

SDC12120

Para conferir mais fotos do evento visite nosso álbum do Flickr, Picasa ou do Windows Live.

Com informações: http://www.capoeirajpa.com.br

Fonte/Autor: SEMEC | Fotos: Paulo Clímaco | Edição: Basílio Soares